Álbuns Disney #2 – Tio Patinhas (Os Fabricantes de Terremotos)

26 ago

Capa de Don Rosa

Amigo disneyano e leitor do Universo Disney 2, estou de volta com o segundo álbum Disney. 
Foram 8 edições publicadas pela Editora Abril entre junho de 1990 e setembro de 1991.
Esses álbuns foram muito especiais para os colecionadores. Uma Série especial bem bacana mesmo, em papel off-set, formato album e capa cartonada, e detalhe, idêntica a original americana ‘Gladstone Comic Album’ que é formada por 28 edições. E nessas edições encontramos dois “medalhões”,  os grandes mestres Disney, Carl Barks e  Floyd Gottfredson.

Aqui abaixo, uma pequena introdução para essa edição dos anos 90.

E aqui, o texto do Jornalista Marcelo Alencar, no volume # 7 de O Melhor da Disney introduzindo a história.

Começamos nossa aventura, “Os Fabricantes de Terremotos” (Land Beneath the Ground!, no original inglês), foi criada no final do s anos 50, mais precisamente no dia 18 de agosto de 1955 e publicada em março de 1956 com roteiro e desenhos de Carl Barks.

No Brasil Os Fabricantes de Terremotos, foi publicada sete vezes. A primeira delas foi na revista O Pato Donald #283 de 9 de abril de 1957. Já no começo dos anos 60, em outubro de 1961, foi republicada na revista Mickey #108. Depois voltou às bancas na década de 80 no Tio Patinhas #200 de fevereiro de 1982. Republicada novamente em abril de 1988 em Ducktales – os Caçadores de Aventura #2. Nos anos noventa Os Fabricantes de Terremotos foi republica nessa edição que comento hoje no post, Álbuns Disney #2 de agosto de 1990. Em novembro de 2004, foi republicada mais uma vez, na ótima coleção, O Melhor da Disney – As Obras Completas de Carl Barks volume #7. E foi republicada mais recentemente em 25 de outubro de 2011 no Disney Big #11.

Muito preocupado com os terremotos recentes no mundo, Tio Patinhas teme que ocorram problemas na Caixa-Forte, tipo, rachaduras que possam fazer sua fortuna desaparecer. Então o velho muquirana envia uma equipe de escavadores, para ver se a falhas embaixo da Caixa-Forte que um terremoto possa abalar a estrutura. Os homens que trabalham para Patinhas constroem um enorme tunel em espiral que chega a 4 quilometros de profundidade. Quando tudo parece estar dando certo os trabalhadores fogem amedrontados e apavorados depois de se depararem com um enorme caverna no fundo da terra e de ouvirem vozes naquela profundidade.
Abandonado pelos trabalhadores Patinhas recruta Donald e o sobrinhos para penetrar nas entranhas da Terra. Eles descobrem, estupefatos, dois povos: CRACS e Badaboums. Essas pequenas criaturas que rolam como bolas. Essas criaturas estão em plena competição onde são projetadas uns sobre os outro: eles estão causando terremotos, ou seja eles são os… fabricantes de terremotos. Patinhas está numa situação bem delicada, muita coisa vai acontecer, se você ainda não teve oportunidade de ler essa aventura, procure num desses gibis que eu citei acima, é bem fácil de encontrar o Disney Big #11 a edição onde essa historia do Barks foi republicada no final do ano passado (2011).

A segunda aventura de álbum Disney chama-se: O grande Operador, abaixo uma introdução por Marcelo Alencar que foi publicada em 2005 em O Melhor da Disney # 14.

O Grande Operador (Pipeline to Danger, no original inglês). Criada em 13 de novembro de 1959 e publicada pela primeira vez em junho de 1960. Carl Barks criou o roteiro e desenhou essa aventura de 17 páginas.
No Brasil foi publicada em O Pato Donald #488 de 14 de março de 1961. Republicada no Tio Patinhas # 78 de janeiro de 1972. Também republicada em Ducktales, os Caçadores de Aventuras #9 de novembro de 1988. Republicada ainda na edição que comento hoje, e uma última vez em O Melhor da Disney – As Obras Completas de Carl Barks volume #14 de agosto de 2005.

Tio Patinhas e seus engenheiros descobriram 40 poços de petróleo. Enquanto se aguarda a construção do gasoduto,  Patinhas pretende armazenar o petróleo numa enorme cratera natural localizado perto dos campos de petróleo. Mas uma tribo estranha de pessoas pequenas do deserto correm perigo, pois esse povo hábita a cratera e, portanto, estão correndo um grande perigo de morte, pois o petróleo vai inundar tudo por ali. Mais uma grande aventura assinada pelo genial Carl Barks.

Amigo disneyano espero que você tenha “curtido” essa humilde postagem de um  incondicional fã de quadrinhos Disney. Um grande abração e até a próxima e que  Patópolis esteja sempre dentro de você.

Fonte: Álbuns Disney #2, O Melhor da Disney volumes #7 e #14 e Inducks.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: